Teologia Inclusiva

Jesus é o Caminho!

A Teologia Inclusiva e o Quadrilátero Paulino

Durante muito tempo trans e homoafetivos viveram com uma única convicção quanto a sua sexualidade: “Deus me ama, mas não me aceita. Eu tenho de mudar”. Não são raras as vezes em que se ouviu no meio cristão a expressão “Deus ama o pecador, mas se aborrece do pecado” para justificar a condenação a todo o que apresentava uma orientação diferente daquela considerada “padrão”. Tal expressão de fato é fruto de uma reflexão teológica sobre o comportamento de Cristo, mas não revela, em hipótese alguma, qualquer tipo de rejeição por parte dEle em relação à sexualidade do indivíduo, haja visto que em momento algum Jesus fez qualquer menção à questão.

Assim, por séculos a fio muitos viveram sua sexualidade distantes de Deus e a consequência disto é o mesmo que acontece com qualquer ser humano. Seja qual for sua orientação sexual, como ensina a Palavra “um abismo chama outro abismo” (Sl 42:7).

O objetivo da Teologia Inclusiva, na contramão disto, é trazer uma palavra de verdade por meio do estudo histórico-crítico das Escrituras Sagradas; é levar a verdade e o amor de Deus a todos, sem distinção, entendendo que qualquer pessoa que queira levar a sério o Evangelho de Cristo está apta a receber a graça de Deus manifestada em suas vidas por meio de uma igreja onde o amor de Deus está disponível para todo aquele que deseja usufruir dela.

Por estudos bíblicos que tornam consistente a Teologia Inclusiva você vai encontrar as respostas para viver uma vida completa na presença de Deus. Venha junto à Comunidade Cidade de Refúgio aprofundar-se na Palavra, crescer em graça e em conhecimento por meio do amor de Deus e da luz do Espírito Santo. Tenha esta certeza: sua vida nunca mais será a mesma!

Contudo, embora façamos uso da Teologia Inclusiva, a fim de cumprirmos a missão dada por Deus a nós para esta geração, sob a concepção de que Deus não faz acepção de pessoas (Atos 10:34), nossos pilares doutrinários estão fundamentados no chamado quadrilátero paulino, quais sejam: fé (Romanos 1:14-17), razão (Romanos 12:1), Experiência (Filipenses 4:12-13) e Escrituras (I Timóteo 4:1-11).

Em síntese, para que se creia consistentemente na graça inclusiva de Deus é necessário que se creia, antes, que a salvação se dá mediante a fé em Cristo Jesus; que é preciso apresentar ao Senhor um culto racional, fruto da assimilação da verdade da Palavra; que a experiência com Deus revela Seu caráter a nós ampliando as possibilidades desta experiência; e que as Escrituras constituem a maior profecia de Deus ao homem.

Sendo assim, nós da Comunidade Cidade de Refúgio temos o imenso desejo de que o seu coração se abra para a novidade de vida que Ele tem para você, e que tenha experiências de fé baseadas na maravilhosa Palavra de Deus, capaz de transformar o homem.

Quer saber mais sobre a Teologia Inclusiva? Clique no link abaixo para adquirir o box de DVDs do estudo Homoafetividade e a Bíblia.

 

DVD’s “Homoafetividade e a Bíblia”